Jovem atingida por avião ultraleve em Nova Iguaçu tem morte encefálica

Read Time:59 Second

Carolina Kethelim, de 22 anos, deu entrada no Hospital Geral do município em estado gravíssimo, no último sábado (9).

Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) deu início, na tarde deste domingo (10), ao protocolo de morte encefálica da jovem Carolina Kethelim, de 22 anos. No sábado (9), ela foi atingida por um avião ultraleve em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

Logo após o acidente, Carolina deu entrada no Hospital Geral de Nova Iguaçu em estado gravíssimo. Ela foi internada no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do hospital.

De acordo com a unidade de saúde, o protocolo de morte encefálica determina que os médicos realizem uma série de exames para avaliar seu estado clínico e neurológico.

Segundo o Conselho Federal de Medicina (CFM), a suspeita de morte cerebral começa quando o médico observa alguns sinais. São eles:

Coma não perceptivo (coma profundo);
Falta de reatividade supraespinhal (ausência de reflexos motores);
Apneia (ausência de respiração) persistente;
Presença de lesão encefálica de origem conhecida e irreversível;
Temperatura corporal acima de 35 °C.
Ainda de acordo com o protocolo, os médicos terão seis horas para realizar exames e possíveis intervenções, antes de confirmar ou não a morte da paciente.

 

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post ‘Não é um método aceito pela PRF’, diz diretor sobre disparo que atingiu menina de 3 anos no Rio
Next post PM mata a mulher e se entrega à polícia em São Gonçalo, RJ